Ser Papai

Coparentalidade, você sabe o que é?

No último domingo, o Fantástico – Show da Vida, da Rede Globo, exibiu uma matéria para falar sobre coparentalidade. O assunto é relativamente novo e, portanto, ainda há dúvidas sobre a formação da família – que é formada por casais que desejam ser pais, mas abrem mão de uma relação afetiva. Vamos saber mais sobre o tema?

Antes de qualquer julgamento, vale conhecer sobre o tema. Primeiro de tudo, como foi falado acima, deve existir o interesse em ser pai ou mãe, mas sem um relacionamento amoroso ou sexual, como em um casamento ou namoro, como critério para ter o bebê.

Dado esse cenário, a reprodução é assistida com inseminação artificial ou por barriga de aluguel. Um aspecto que deve se atentar é que como estamos falando de um bebê, que naturalmente crescerá e, como em qualquer lugar do mundo, precisará alguém para cuidar. Na legislação atual, a guarda será a mesma que rege os casais divorciados. A compartilhada.

E não é assunto de louco. Hoje, já é possível se juntar às pessoas que pretendem seguir esse caminho nas redes sociais e acompanhar depoimentos. A página, foi criada em 2014 e se define a coparentalidade como uma “nova configuração familiar em que filhos são planejados com responsabilidade por pais que não buscam relacionamento afetivo”.

E você, o que acha do assunto?

 

One Response

  1. é um tema bastante peculiar. Eu, particularmente, não me vejo sendo adepta a isso. Mas, acredito que todo desejo do ser humano deve ser debatido na sociedade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *