Cidades

Colégio Cantareira incentiva cultura inclusiva em Olimpíadas Esportivas

Com proposta de inclusão, os jogos do Colégio Cantareira na zona norte da capital de São Paulo, mesclam alunos com jovens com algum tipo de deficiência, que estarão lado a lado para defender seus times nas Olimpíadas Esportivas sociais

O evento que começa no dia 27 de outubro, ressaltar valores como companheirismo, coragem, parceria e respeito o caráter competitivo dá lugar ao modelo mais consciente, no qual vencer já não era o mais importante, e sim o resultado do grupo.

Jovens com algum tipo de deficiência disputarão as inúmeras modalidades propostas junto com alunos. Segundo a diretora pedagógica do Colégio Cantareira, Regina Santini Bomfim, em 2016 aconteceu a primeira edição das Paralimpíadas, na qual os alunos se adaptaram para disputar juntos com jovens torneios como o de futebol de olhos vendados e de mãos dadas entre outros. “O resultado foi incrível! ”, ressalta a diretora.

Fato que também chamou a atenção da bailarina Flora Bitancourt, formada em Artes Corporais/Dança pela Unicamp. Professora de Dança Inclusiva que defende a modalidade e incentiva a inclusão em torneios oficiais, reforçando que a participação aumenta a confiança e a autoestima desses atletas.

Para essa edição, as Olimpíadas Sociais do colégio contarão com a participação de aproximadamente 600 estudantes dos Ensinos Infantil, Fundamental e Médio, além de jovens de diversas instituições que participarão das disputas.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *